Sobrepeso e obesidade: identificando e combatendo o problema

O estilo de vida moderno, com hábitos alimentares incorretos e sedentarismo, faz crescer o número de pessoas com sobrepeso e obesidade. Segundo estimativas da Organização Mundial da Saúde, no ano de 2025, teremos no mundo 2,3 bilhões de pessoas com sobrepeso e 700 milhões de obesos. No Brasil, pesquisas recentes mostram que mais da metade da população está acima do peso. Além disso, dois em cada 10 brasileiros estão obesos.

obesidade mateus severo endocrinologia

Define-se como sobrepeso o IMC (índice de massa corporal) de 25 até 29,9 kg/m2 e como obesidade o IMC maior ou igual a 30 kg/m2.

O cálculo do IMC é muito simples. Basta dividir o peso pelo quadrado da altura, como mostra a fórmula a seguir:

IMC = peso (kg) / altura (m) x altura (m)

Exemplo:

Qual o IMC de uma mulher com 65 kg e 1,53 m de altura? O peso dela é excessivo?

IMC = 65 / 1,53 x 1,53

IMC = 65 / 2,34

IMC = 27,77 kg/m2 (ou seja, sobrepeso).

O problema associado ao excesso de peso é muito mais que estético. É uma questão de saúde! O sobrepeso e a obesidade estão associados a complicações como: aumento da glicose e diabetes mellitus, pressão alta, aumento do colesterol e triglicerídeos, aumento do risco de doenças cardíacas, hepatite por deposição de gordura no fígado, pedra na vesícula, distúrbios do sono como ronco e apneia, artrose de joelhos e quadril, doenças na pele, ansiedade, depressão e baixa autoestima.

Caso você suspeite que esteja acima do peso, calcule seu IMC e procure um endocrinologista. Quanto antes o tratamento for iniciado, melhores serão os resultados na prevenção e regressão das complicações associadas.

 

Dr. Mateus Dornelles Severo

Médico Endocrinologista

CREMERS 30.576 – RQE 22.991

www.facebook.com/drmateusendocrino

Deixe uma resposta